Idéia Absoluta | actualidadypolitica.com

Idéia Absoluta

ideia absoluta

A doutrina da idéia absoluta de Hegel é um passo importante na filosofia dialética. O próprio Hegel era um representante do fluxo do idealismo objetivo, e é desse ponto de vista que deveríamos considerar seu conceito de uma ideia absoluta.

A Ideia Absoluta de Hegel em Filosofia: Três Partes do Ensino

Falando sobre os ensinamentos de Hegel, não se pode deixar de recorrer ao seu sistema integral de idealismo objetivo, que o autor da idéia absoluta dotou de uma divisão em três partes fundamentais:

  1. A ciência da lógica. Nesta parte, Hegel descreve um certo espírito do mundo, a quem ele dá uma "ideia absoluta". Este espírito é primário e é o precursor da natureza e de tudo.
  2. Filosofia da Natureza. Esta é a segunda parte do ensinamento, na qual Hegel chama a natureza secundária ao princípio espiritual. Se você não for muito profundo, a natureza é vista como a alteridade da ideia absoluta.
  3. Filosofia do espírito. Nesta parte de sua obra, Hegel revê sua teoria e transforma uma idéia absoluta em um espírito absoluto, finalmente reconhecendo a primazia do imaterial sobre o material.

Nos ensinamentos de Hegel, traçava claramente a natureza idealista e o desejo de ordenar todas as coisas, introduzindo os conceitos de primário e secundário.

Idéia Absoluta

É importante entender que a idéia absoluta não é um conceito estático, pois a essência da filosofia é que a idéia absoluta de Hegel começa e continua a se desenvolver, a se mover. Não pode ser esquecido que isso contradiz os conceitos de metafísica (na verdade, neste caso, todos os conceitos são considerados separadamente uns dos outros). A abordagem dialética é baseada em três princípios mais importantes, que, segundo Hegel, fornecem o desenvolvimento de uma ideia absoluta:

  • a transição da quantidade para a qualidade,
  • contradição como fonte de desenvolvimento,
  • a ideia absoluta do Hegel

  • negação da negação.

São esses princípios que lançam luz sobre a teoria geral do desenvolvimento. Antes dele, ninguém considerou as contradições deste ponto de vista, e este foi um grande avanço. É a ideia de contradição interna que ainda é considerada uma das conquistas mais importantes.

Essa ideia, que parece idealista, na verdade tem um profundo significado racional, porque através do prisma desta pode-se recorrer a quaisquer conceitos de filosofia e ciência natural. O método dialético nos permite apreender a substituição de conceitos simples por um desenvolvimento mais complexo, em direção à acumulação e aprofundamento de significados. Assim, na história, você pode pegar muitos padrões, ver a vida social como um processo evolutivo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading...
Like this post? Please share to your friends:
Leave a Reply

− 9 = 1

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!:

Idéia Absoluta

ideia absoluta

A doutrina da idéia absoluta de Hegel é um passo importante na filosofia dialética. O próprio Hegel era um representante do fluxo do idealismo objetivo, e é desse ponto de vista que deveríamos considerar seu conceito de uma ideia absoluta.

A Ideia Absoluta de Hegel em Filosofia: Três Partes do Ensino

Falando sobre os ensinamentos de Hegel, não se pode deixar de recorrer ao seu sistema integral de idealismo objetivo, que o autor da idéia absoluta dotou de uma divisão em três partes fundamentais:

  1. A ciência da lógica. Nesta parte, Hegel descreve um certo espírito do mundo, a quem ele dá uma "ideia absoluta". Este espírito é primário e é o precursor da natureza e de tudo.
  2. Filosofia da Natureza. Esta é a segunda parte do ensinamento, na qual Hegel chama a natureza secundária ao princípio espiritual. Se você não for muito profundo, a natureza é vista como a alteridade da ideia absoluta.
  3. Filosofia do espírito. Nesta parte de sua obra, Hegel revê sua teoria e transforma uma idéia absoluta em um espírito absoluto, finalmente reconhecendo a primazia do imaterial sobre o material.

Nos ensinamentos de Hegel, traçava claramente a natureza idealista e o desejo de ordenar todas as coisas, introduzindo os conceitos de primário e secundário.

Idéia Absoluta

É importante entender que a idéia absoluta não é um conceito estático, pois a essência da filosofia é que a idéia absoluta de Hegel começa e continua a se desenvolver, a se mover. Não pode ser esquecido que isso contradiz os conceitos de metafísica (na verdade, neste caso, todos os conceitos são considerados separadamente uns dos outros). A abordagem dialética é baseada em três princípios mais importantes, que, segundo Hegel, fornecem o desenvolvimento de uma ideia absoluta:

  • a transição da quantidade para a qualidade,
  • contradição como fonte de desenvolvimento,
  • a ideia absoluta do Hegel

  • negação da negação.

São esses princípios que lançam luz sobre a teoria geral do desenvolvimento. Antes dele, ninguém considerou as contradições deste ponto de vista, e este foi um grande avanço. É a ideia de contradição interna que ainda é considerada uma das conquistas mais importantes.

Essa ideia, que parece idealista, na verdade tem um profundo significado racional, porque através do prisma desta pode-se recorrer a quaisquer conceitos de filosofia e ciência natural. O método dialético nos permite apreender a substituição de conceitos simples por um desenvolvimento mais complexo, em direção à acumulação e aprofundamento de significados. Assim, na história, você pode pegar muitos padrões, ver a vida social como um processo evolutivo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading...
Like this post? Please share to your friends:
Leave a Reply

58 − 50 =

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: