36ª semana de gestação precursoras do parto

A partir da 36 ª semana de gravidez, o nascimento está ao virar da esquina, você pode dizer - a linha de chegada. Pode durar tanto quanto não muito longo e até 4-6 semanas. O bebê é bem formado e, se nascer, será capaz de sustentar a vida de forma independente. Quanto à futura mãe, são apenas 36 semanas de gravidez, é o tempo para os precursores do parto.

Precursores do parto na 36ª semana de gestação

O nono mês de gestação caracteriza-se pelo fato de o foco principal do corpo feminino não estar focado na manutenção da gravidez, mas na preparação para o parto. Portanto, os precursores do nascimento, que apareceram na semana 36, ​​são uma espécie de ensaio geral antes do próximo evento.

Então, o que eles são, esses precursores, e como distingui-los do início desta atividade genérica:

  1. Abscesso abdominal. Isto é devido ao amolecimento do segmento inferior do útero. O bebê cai, pressionando a cabeça na pequena pélvis. Este precursor é um pouco mais fácil para a futura mãe, porque agora é mais fácil respirar, não tormenta azia. Depois de abaixar o abdômen, dor dolorosa pode aparecer no baixo-ventre, assim como dores no períneo e nas pernas. A criança fica menos ativa. Isso é considerado um fenômeno bastante normal, já que a cabeça já foi consertada e você pode se mover apenas com alças e pernas.
  2. Partida do tampão mucoso. Na maioria das mulheres, um precursor do parto com 36 semanas de gestação é a passagem do tampão mucoso. Durante o transporte do bebê, ele serviu como uma espécie de barreira contra infecções diversas no útero. E agora, chegou a hora - a rolha sai na forma de um pedaço de muco marrom com veias de sangue, ou por partes com secreções de muco. Na maioria das vezes isso acontece alguns dias antes do nascimento, mas há casos que em poucas semanas. Se a sua rolha tiver desaparecido às 36 semanas de gestação, não se apresse em ir ao hospital, o parto pode não começar por muito tempo.
  3. Redução de peso. O tema que é emocionante para todas as mulheres grávidas é o ganho de peso. Quando você mais uma vez subir na balança e não consegue entender onde eles ainda ganharam quilos, não há dúvida: no futuro próximo, deve-se esperar o nascimento de suas migalhas. Estabilização ou redução de peso está associada com a preparação ativa do corpo, ou seja, a remoção do excesso de líquido.
  4. O estado emocional pode ser caracterizado como instável. A tensão nervosa, o medo do parto no contexto do ajuste hormonal fazem o seu trabalho. Picos emocionais se alternam com apatia e choro por um curto período de tempo. Isso é normal para uma mulher que está prestes a se tornar mãe.
  5. Micção e defecação mais frequentes. Isso também pode ser atribuído aos precursores do parto em 36 semanas. Mais uma vez, está associado à diminuição do abdome, que pressiona o urinário e os intestinos, e com a limpeza do corpo antes de dar à luz.
  6. O prenúncio mais comum, enganando muitos é lutas falsas. Sem dúvida, uma mulher de acasalamento pode distingui-las imediatamente das reais. Mas a mulher que está se preparando para o parto pela primeira vez, eles são alarmantes a sério. A principal diferença entre treinar lutas das reais é a sua irregularidade, e a diferença entre elas não diminui. Além disso, são quase indolores e, se você relaxar e relaxar, passe. O que não pode ser dito sobre os reais.

Com tais precursores do parto, uma mulher pode enfrentar uma mulher com 36 semanas de gestação.

A ameaça de parto prematuro na semana 36

ameaça de parto prematuro 36 semanasNa prática de obstetras-ginecologistas, a gravidez é considerada completa, a partir da 38ª semana. Se de repente por 36 semanas você se sentir:

  • dor severa no baixo ventre;
  • manchando;
  • vazamento ou passagem de líquido amniótico;
  • dor de cólica.

Tudo isso não aponta para os precursores, mas para o trabalho prematuro que começou prematuramente.

Neste caso, você deve ir imediatamente ao hospital. Os médicos decidem por si mesmos, dependendo de quão longe o processo foi, como proceder.

Written by

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

+ 10 = 19

36ª semana de gestação precursoras do parto

A partir da 36 ª semana de gravidez, o nascimento está ao virar da esquina, você pode dizer - a linha de chegada. Pode durar tanto quanto não muito longo e até 4-6 semanas. O bebê é bem formado e, se nascer, será capaz de sustentar a vida de forma independente. Quanto à futura mãe, são apenas 36 semanas de gravidez, é o tempo para os precursores do parto.

Precursores do parto na 36ª semana de gestação

O nono mês de gestação caracteriza-se pelo fato de o foco principal do corpo feminino não estar focado na manutenção da gravidez, mas na preparação para o parto. Portanto, os precursores do nascimento, que apareceram na semana 36, ​​são uma espécie de ensaio geral antes do próximo evento.

Então, o que eles são, esses precursores, e como distingui-los do início desta atividade genérica:

  1. Abscesso abdominal. Isto é devido ao amolecimento do segmento inferior do útero. O bebê cai, pressionando a cabeça na pequena pélvis. Este precursor é um pouco mais fácil para a futura mãe, porque agora é mais fácil respirar, não tormenta azia. Depois de abaixar o abdômen, dor dolorosa pode aparecer no baixo-ventre, assim como dores no períneo e nas pernas. A criança fica menos ativa. Isso é considerado um fenômeno bastante normal, já que a cabeça já foi consertada e você pode se mover apenas com alças e pernas.
  2. Partida do tampão mucoso. Na maioria das mulheres, um precursor do parto com 36 semanas de gestação é a passagem do tampão mucoso. Durante o transporte do bebê, ele serviu como uma espécie de barreira contra infecções diversas no útero. E agora, chegou a hora - a rolha sai na forma de um pedaço de muco marrom com veias de sangue, ou por partes com secreções de muco. Na maioria das vezes isso acontece alguns dias antes do nascimento, mas há casos que em poucas semanas. Se a sua rolha tiver desaparecido às 36 semanas de gestação, não se apresse em ir ao hospital, o parto pode não começar por muito tempo.
  3. Redução de peso. O tema que é emocionante para todas as mulheres grávidas é o ganho de peso. Quando você mais uma vez subir na balança e não consegue entender onde eles ainda ganharam quilos, não há dúvida: no futuro próximo, deve-se esperar o nascimento de suas migalhas. Estabilização ou redução de peso está associada com a preparação ativa do corpo, ou seja, a remoção do excesso de líquido.
  4. O estado emocional pode ser caracterizado como instável. A tensão nervosa, o medo do parto no contexto do ajuste hormonal fazem o seu trabalho. Picos emocionais se alternam com apatia e choro por um curto período de tempo. Isso é normal para uma mulher que está prestes a se tornar mãe.
  5. Micção e defecação mais frequentes. Isso também pode ser atribuído aos precursores do parto em 36 semanas. Mais uma vez, está associado à diminuição do abdome, que pressiona o urinário e os intestinos, e com a limpeza do corpo antes de dar à luz.
  6. O prenúncio mais comum, enganando muitos é lutas falsas. Sem dúvida, uma mulher de acasalamento pode distingui-las imediatamente das reais. Mas a mulher que está se preparando para o parto pela primeira vez, eles são alarmantes a sério. A principal diferença entre treinar lutas das reais é a sua irregularidade, e a diferença entre elas não diminui. Além disso, são quase indolores e, se você relaxar e relaxar, passe. O que não pode ser dito sobre os reais.

Com tais precursores do parto, uma mulher pode enfrentar uma mulher com 36 semanas de gestação.

A ameaça de parto prematuro na semana 36

ameaça de parto prematuro 36 semanasNa prática de obstetras-ginecologistas, a gravidez é considerada completa, a partir da 38ª semana. Se de repente por 36 semanas você se sentir:

  • dor severa no baixo ventre;
  • manchando;
  • vazamento ou passagem de líquido amniótico;
  • dor de cólica.

Tudo isso não aponta para os precursores, mas para o trabalho prematuro que começou prematuramente.

Neste caso, você deve ir imediatamente ao hospital. Os médicos decidem por si mesmos, dependendo de quão longe o processo foi, como proceder.

Written by

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

14 − 4 =